Qual é o melhor formato de conteúdo para alavancar resultados nas redes sociais?

Um vídeo gera mais engajamento que um artigo? Vale a pena fazer um podcast? Tik Tok é só uma fase da internet portanto é melhor não perder tempo aprendendo a ferramenta?


Se você é empresário(a) ou trabalha com marketing com certeza já ouviu estes questionamentos ou, melhor ainda, já questionou a si mesmo (a).


São perguntas válidas que de nenhuma maneira sinalizam falta de conhecimento mas, sim, o entendimento que, em marketing, principalmente marketing digital, a maioria das regras mudam constantemente.


Isto é, menos uma: conheça o seu público.


Pense comigo: Digamos que sua empresa trabalha com serviços contábeis para o setor industrial e seus clientes são diretores financeiros. Será que investir em vídeos e gifs criativos para Instagram trará um ROI positivo? Será que até ter um Instagram faz sentido? (Se este exemplo pareceu um exagero para você, ótimo, está no caminho certo. Infelizmente casos assim não são raros até entre grandes empresas.)


Conhecer seu público pode ser um conceito simples, mas não é um conceito fácil. Muitas vezes profissionais de marketing e executivos assumem conhecer seu público baseado em experiências passadas e feeling. Isto é um erro.


Invista tempo e recursos em conhecer o seu público. Faça entrevistas, envie pesquisas, vá até o ponto de venda e converse com as pessoas. Muitas vezes as campanhas mais efetivas (e criativas) não vêm de um brainstorm regado a post its e dinâmicas de grupo, vem de pesquisa e inteligência de dados.


Quais são os formatos conteúdo mais populares?


Formatos de escrita:

  • Blog Posts

  • Artigos Longos

  • Case Studies (estudos de caso)

  • E-mails

  • Relatórios

  • E-books

São os mais usados para divulgar informações que demonstrem expertise em certa área ou assunto.


Formatos visuais:

  • Vídeos

  • Infográficos

  • Imagens

  • Apresentações

Os formatos visuais são mais bem usados para simplificar conceitos complexos, tornando-os menos maçantes e mais digeríveis para o seu cliente.


Formatos de Áudio

  • Podcasts

  • Palestras

  • Audiogramas

Formatos de áudio tem se tornado muito populares em alguns seguimentos, principalmente quando um assunto gera diversas opiniões diferentes. Vale o teste.


Com esses formatos em mente, pergunte-se:


Quais os formatos que trariam a melhor experiência para o meu público?


Quais os formatos mais fáceis de serem encontrados pelo meu consumidor?


Que formatos ele(a) teria mais conforto em compartilhar?


Que formatos ele gostaria de consumir a informação?


Por exemplo, imagine que o seu público viaje ônibus todos os dias. Será que um conteúdo em áudio ou vídeo não seria mais desejável que um artigo?


Um estudo feito pela Quartz apurou que a maioria dos executivos prefere consumir conteúdos em forma de gráficos, apresentações, fotos e costumam passar mais tempo no Linkedin que em outras redes sociais. Se a sua empresa presta serviços B2B e seu cliente são pessoas dessa categoria, será que fazer vídeos incríveis seria a melhor forma de alcançar seu público? Será que um simples infográfico não traria muito mais engajamento por uma fração do custo de produção?


Quando uma empresa conhece o seu público não é só a conta do mês que fecha melhor, sua equipe de marketing também sai ganhando. Por mais que seja importante desafiar uma equipe a trazer novos resultados e sair da caixa, às vezes é necessário entender a realidade e habilidades presentes na sua equipe atual. É melhor fazer o simples bem feito do que o criativo de qualquer jeito. Por fim:


Não use certos formatos apenas porque são populares.


Descubra se eles fazem sentido para o seu cliente.

Afinal, conhecer ele(a) é sempre o primeiro passo para uma campanha de sucesso.

Recent Posts
Archive

Entre em contato comigo:

Criado por Alex Floriano